NOTÍCIAS

04/04/2019

Chapecó sedia mais uma Clínica para Técnicos do Basquete para o Amanhã

.:: conteudo_39050_1.jpg ::.

Nesta sexta-feira e sábado (5 e 6 de abril), a Federação Catarinense de Basketball promove a segunda Clínica para Técnicos do Projeto Basquete para o Amanhã – Etapa 1, no Colégio Exponencial, em Chapecó – a primeira foi realizada nos dias 22 e 23 de março, em Florianópolis. Voltado para os profissionais das equipes da região Oeste e proximidades, o encontro tem o objetivo de capacitar os treinadores e educadores que trabalham com a base da modalidade em Santa Catarina por meio do projeto.

Os ministrantes são Michel Milistetd, professor da Universidade de Santa Catarina (UFSC) e especialista em desenvolvimento de técnicos; Vitor Ciampolini, doutorando em Educação Física (UFSC) e pesquisador em desenvolvimento positivo; e André Luiz A. Soares, treinador e mestrando (UFSC).

“Nessa primeira clínica, desenvolvemos o tema de usar o esporte não apenas como ferramenta de desenvolvimento do atleta, mas também como pessoa. Isso trata o esporte como desenvolvedor de habilidades como gestão de tempo, perseverança, metas, que são alguns dos exemplos que podem levar os atletas a terem sucesso na sociedade, na vida profissional e familiar também”, falou Milistetd na primeira clínica realizada em Florianópolis.

O Basquete do Amanhã é realizado desde 2014 pela FCB que atende às modalidades sub-12, sub-13 e sub-15 com o objetivo de massificar o basquete entre meninos, meninas e adolescentes mais jovens do estado. O projeto é um dos grandes propulsores para o número de times participantes nos Campeonatos Estaduais que serão mais de 2 mil atletas, vindos de 130 times, em 2019 (42 times do sub-15 e 44 times do sub-12 e sub-13). A presença é obrigatória e exclusiva a todos os técnicos que atuam nestas categorias.

Todos os times das três categorias são contempladas pelo Basquete Para o Amanhã e para manter suas atividades, as equipes participantes recebem auxílio estrutural como tabelas, bolas, placares, e subsídio para despesas quando disputam competições estaduais. Além disso, a Federação promove cursos de capacitação como a que será oferecida nesse fim de semana. 
Nesta temporada, a novidade é a junção das modalidades sub-12 e sub-13: os clubes são obrigados a atuar nas duas categorias. Com isso, os jogos serão realizados em rodadas duplas otimizando os investimentos com transporte e logística, além de aumentar o vínculo dos mais novos com o basquete.

Foto: Lucas Inácio / Assessoria FCB

Fonte:FCB

    • Você é nosso visitante número
      6.236.486

    • FOTOS & FOTOS

    • MARCOS DO CARMO

      Chua Marcos