NOTÍCIAS

04/03/2018

LBF: UNINASSAU VENCE SÃO BERNARDO EM JOGO EMOCIONANTE

.:: conteudo_35628_1.jpg ::.

Encerrando a rodada do final de semana e o primeiro turno, Uninassau Basquete e São Bernardo/Brazolin/Unip mantiveram o clima de Sampaio e Santo André/Apaba e fizeram outra partidaça na LBF CAIXA. Equilibrado durante os 40 minutos, o jogo no Ginásio Wilson Campos, no Recife, foi resolvido apenas no segundo final. Vitória da equipe da casa, por 73 a 71, com cesta da vitória da pivô Gabriela a sete segundos. Tassia e Lays tiveram as melhores pontuações de suas carreiras na LBF CAIXA (Lays em sua 1ª temporada e Tassia, na 7ª), com 22 pontos cada.

“Foi um jogo difícil, mas tivemos calma suficiente para decidirmos no final. Isso mostra a nossa força dentro de casa. Não desistimos em nenhum momento. A torcida nos ajudou demais, até o final acreditou, mesmo quando faltavam apenas alguns segundos e estávamos com três pontos atrás do placar. Agora vamos começar a pensar no Blumenau e treinar ainda mais para conquistarmos mais um resultado positivo”, afirmou Tassia, autora da cesta de três que recolocou a Uninassau no jogo a 35 segundos do fim.

A vitória mantém a Uninassau na 4ª posição, mas agora com a mesma campanha do terceiro colocado Santo André/Apaba, que fica na frente pelo saldo de pontos marcados. Já para o São Bernardo/Brazolin/Unip, a derrota foi caríssima: fez o time despencar da 5ª para a 8ª posição, já que seu aproveitamento caiu para 37,5% (3 vitórias e 5 derrotas), o mesmo de Funvic/Ituano, Blumenau e Presidente Venceslau, que possuem saldo melhor.

Equilíbrio foi a tônica da partida entre as equipes mais jovens da temporada. Foi assim no primeiro tempo, quando a equipe paulista conseguiu a vantagem por um ponto no intervalo (37×36), e prosseguiu na segunda etapa, com as equipes se alternando na liderança e abrindo pouca diferença. A equipe paulista ainda sofreu com a lesão de Milena no final do primeiro tempo – ela vinha bem com 9 pontos e 6 rebotes e não retornou ao jogo, ao sentir o pé direito em lance isolado.

A maior vantagem registrada na partida foi das comandadas de Marcio Bellicieri, que chegaram a abrir seis de vantagem a 7 minutos e 42 segundos do fim, mas a Uninassau manteve-se perto até o fim. Faltando 47 segundos para o término, Lays converteu lance livre que deixou as são-bernardenses com três na frente (71×68). Foi quando Roberto Dornelas pediu tempo e desenhou a jogada que culminou com a bola de 3 de Tassia para empatar a partida. Na posse de bola seguinte, o São Bernardo/Brazolin/Unip não conseguiu definir e a pivô Gabriela se antecipou à Thayná, roubou a bola e percorreu a quadra toda para fazer a cesta que sacramentou a vitória pernambucana.

Lays lamentou a derrota no final. “Jogamos bem, todas foram incríveis, fizemos de tudo, mas infelizmente por um vacilo de marcação e de comunicação tomamos duas bolas seguidas e foi o que resultou para elas ganharem”, disse.

“Talvez tenha faltado experiencia. Entra naquela ansiedade de achar que pode ganhar o jogo com qualquer bola, então nós erramos muito nos instantes finais com opções e dribles errados”, analisou Marcio Bellicieri.

Uninassau e São Bernardo/Brazolin/Unip abrem oficialmente o segundo turno da LBF CAIXA na próxima sexta-feira (9), às 19 horas. A equipe pernambucana recebe o Blumenau, enquanto a equipe paulista vai até Campinas (SP) enfrentar o líder Vera Cruz Campinas.

A CAIXA, junto ao Governo Federal, é a patrocinadora oficial da Liga de Basquete Feminino, que organiza a LBF CAIXA. A competição tem a TV Gazeta como emissora oficial, a TV Globo, o SporTV e o globoesporte.com como parceiros de mídia oficiais, a bola oficial da Wilson e a AND1 como marca esportiva oficial.

por Liga de Basquete Feminino

Foto: Robson Neves/Uninassau

    • Você é nosso visitante número
      4.617.876

    • FOTOS & FOTOS

    • MARCOS DO CARMO

      Chua Marcos