NOTÍCIAS

24/02/2017

NBB CAIXA - Em batalha épica, Paulistano bate líder Flamengo em SP

.:: conteudo_31619_1.jpg ::.

Com garotos Lucas Dias e Arthur Pecos inspirados, alvirrubro vence "batalha" contra o rubro-negro carioca; Bauru perde para Caxias e sai do G-4

Gigante. Assim pode ser chamada a garotada do Paulistano/Corpore. Na noite desta quinta-feira, os jovens alvirrubros mostraram um espírito enorme e guiaram a equipe paulista a uma vitória histórica diante do atual tetracampeão e líder Flamengo, no lotado Ginásio Antonio Prado Jr, pelo expressivo placar de 103 a 96.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, Nike e Avianca e o apoio do Ministério do Esporte.

Lucas Dias e Arthur Pecos foram ‘os caras’ da incrível vitória do Paulistano. O ala, de 21 anos, acertou cinco bolas de 3 pontos em oito tentadas (62,5%) e totalizou 33 pontos, seu recorde no NBB CAIXA. Já o armador, de 22, imprimiu um ritmo alucinante e deixou a quadra com um duplo-duplo de 11 pontos e sonoras 14 assistências, recorde da temporada e também de sua carreira.

+Confira estatísticas, fotos e a matéria completa da partida entre Paulistano e Flamengo

Marcelinho Machado foi o grande destaque do Flamengo. O experiente atleta, de 41 anos, teve uma de suas melhores atuações no campeonato ao registrar expressivos 26 pontos (4/10 nos 3 pontos), sendo 13 deles anotados no terceiro quarto durante a virada rubro-negra. Além disso, o camisa 4 deu oito assistências e totalizou 31 de eficiência, sua maior marca na temporada.

Com o magistral resultado, o time do técnico Gustavo De Conti somou sua terceira vitória seguida e agora tem campanha de 50% de aproveitamento, com 11 triunfos em 22 partidas. Mesmo com a derrota, o Flamengo ainda passará a pausa para o carnaval como líder, com campanha de 16 êxitos em 22 oportunidades (72,7% de aproveitamento).

Com bola vencedora de Palácios, Vasco bate Franca

Um tempero um tanto quanto ‘caliente’ marcou a incrível vitória do Vasco da Gama sobre o Franca Basquete/Magazine Luiza. Com bola vencedora do argentino Palácios a três segundos do fim, o Gigante do Basquete levou a melhor por apertados 79 a 77, interrompeu a sequência de seis vitórias seguidas dos francanos e voltou a sorrir no NBB CAIXA depois de três derrotas seguidas.

Um dos xodós da torcida cruzmaltina, Dami Palácios foi o responsável pela bola que devolveu a alegria à massa vascaína após três rodadas. Restando três segundos para o fim, o francano Antonio havia acabado de fazer a cesta que deixou o jogo empatado em 77 a 77. Foi aí que Dedé Barbosa pediu um tempo e colocou em cena o argentino, que recebeu a bola, finalizou rápido e deu o triunfo ao Gigante do Basquete.

+Confira estatísticas, fotos e a matéria completa da partida entre Vasco e Franca

Além de colocar fim ao jejum de três jogos sem vencer, o triunfo desta quinta-feira ainda manteve o Vasco na nona colocação, com 12 vitórias em 23 jogos (52,2% de aproveitamento), e evitou uma ultrapassagem do Paulistano/Corpore, que venceu o Flamengo em São Paulo. Já o Franca perdeu a chance de assumir a quinta colocação e agora segue em sexto, com 13 êxitos em 21 oportunidades (61,9% de aproveitamento).

Vindo de um jogo de três prorrogações em Caxias, o Franca usou a união e o jogo coletivo para tentar vencer em São Januário. Mesmo não tendo alcançado seu objetivo, a equipe do técnico Helinho Garcia merece aplausos pelo belo trabalho em grupo. Cinco atletas pontuaram em dígitos duplos: Coelho (15), Pedro (13), Cauê Borges (12), Cipolini (12) e Isaac (10), que fez seu primeiro jogo na temporada por conta de uma grave lesão.

Com virada incrível, Caxias encerra sequência positiva do Bauru

O NBB CAIXA 16/17 segue com viradas inacreditáveis recentemente. Nesta quarta-feira (23/02), o Banrisul/Caxias do Sul entrou no último quarto com 15 pontos de desvantagem, mas de forma incrível virou o placar e venceu, por 76 a 74, no Ginásio Vasco da Gama, colocando fim a sequência de vitórias do Gocil/Bauru Basket, que já durava sete jogos.

Com apenas quatro pontos anotados até o último quarto, Rafael Stabile chamou a responsabilidade nos dez minutos finais e fez mágica. Foram duas bolas de 3 pontos convertidas e 11 pontos para o ala na parcial, que deixou a partida com 15 tentos e duas assistências. Outros destaques dos mandantes foram: Arthur Benardi, com 18 pontos, Carioca, com 14 tentos e oito rebotes, e Marcão, dono de 12 pontos e quatro sobras.

+Confira estatísticas, fotos e a matéria completa da partida entre Caxias e Bauru

Mesmo com a derrota, o Bauru fez um grande primeiro quarto de partida, especialmente, e deixou o resultado positivo escapar nos detalhes. Destaque para as atuações de Alex Garcia (18 pontos, sete rebotes e sete assistências), Léo Meindl (12 pontos) e Shilton (nove pontos e dez rebotes).

Com a vitória, o Caxias chegou a quatro resultados positivos contra 19 negativos e segue na lanterna do NBB CAIXA 16/17. Já o Bauru agora tem 14 triunfos e sete derrotas na temporada e caiu para a quinta colocação.

Na prorrogação, Macaé supera LSB fora de casa

Foi com muita emoção, mas o Macaé Basquete voltou a vencer pelo NBB CAIXA 16/17. Em um jogo equilibradíssimo e com direito a prorrogação, o time do litoral norte-fluminense bateu a LSB/Uniso, por 77 a 73, fora de casa, e segue vivo na briga por uma vaga nos playoffs da competição.

Mais uma vez o baixinho Kendall Anthony roubou a cena. Com apenas sete pontos até o intervalo, o armador norte-americano anotou 20 nos dois quartos seguintes e prorrogação e saiu como cestinha da partida, com 27 pontos, além de três assistências.

+Confira estatísticas, fotos e a matéria completa da partida entre LSB e Macaé

Apesar da derrota, a Liga Sorocabana contou com boas atuações individuais. Como de Enzo Cafferata, cestinha e melhor passador do time, com 21 pontos e cinco assistências; Alexandre Paranhos, que chegou ao seu sétimo duplo-duplo na temporada, com 12 tentos e 13 rebotes; e Jefferson Sobral, que contribuiu com 13 pontos e cinco sobras.

Com a vitória macaense, os dois times passaram a ter campanhas iguais no NBB CAIXA 16/17, de quatro resultados positivos e 18 negativos. O Macaé vem a frente da Liga Sorocabana (13º contra 14º colocado), devido ao melhor desempenho nos confrontos diretos da temporada.

Foto: João Neto/LNB

Fonte: LNB

    • Você é nosso visitante número
      4.884.687

    • FOTOS & FOTOS

    • MARCOS DO CARMO

      Chua Marcos